Aplicativos para celulares movem mercado bilionário

O mercado de tecnologia e telefonia móvel é, sem dúvidas, um dos mais competitivos e necessários cenários na economia atual. Apesar disso, muitos termos ainda causam confusão entre as pessoas. Um deles é o Serviço de Valor Agregado, também conhecido por VAS ou SVA.

No início de seu desenvolvimento, o mercado de smartphones era representado pela disputa por um setor basicamente constituído por clientes da área corporativa. Contudo, a evolução e popularização do mercado mobile fez dos celulares inteligentes uma alternativa rentável para os negócios e extremamente interessante para o usuário final. O Brasil caminha para se tornar, até 2016, o 4o maior mercado mundial de smartphones – hoje é o 10o. A projeção é da IDC, que espera um aumento de 73% na venda desses equipamentos este ano: ou seja, 15,4 milhões de aparelhos, contra os 8,9 milhões de 2011. Ou seja, a cada minuto 29 smartphones serão vendidos no país.

Com o desenvolvimento do mercado mobile ao redor mundo, o VAS passou a representar uma fonte de receita importante para as operadoras. No início, a receita das prestadoras de serviços em telefonia móvel era proveniente quase que exclusivamente de ligações, mas o cenário atual é diferente.

Hoje, a receita resultante do VAS inclui receita de tráfego de dados puros e simples e já representa aproximadamente 20% do faturamento das operadoras brasileiras. Em países como o Japão, a receita chega a 50%. A partir destes números, pode-se inferir que, para as próprias teles, os SVAs estão se tornando protagonistas e não mais apenas serviços “adicionados”.

O mercado de apps já se tornou um setor da economia, impulsionando também o mercado de smartphones. O mercado de aplicativos para celulares cresce a cada ano, em todo o mundo são mais de 1,8 milhão de apps disponíveis para os mais diversos tipos de usuários, além disso, o faturamento esperado para este ano deve alcançar a ordem de US$ 29,5 bilhões. No Brasil, o mercado de celulares também está aquecido, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) são mais de 265 milhões de linhas de celulares ativas no país.

Clique aqui para continuar a leitura.

Perfil dos Participantes

Profissionais ligados ao e-commerce/m-commerce, telecomunicações, comunicação, propaganda, além de fabricantes de equipamentos de TI e Telecom.

Objetivo do Congresso

O congresso é destinado a os impactos das convergências digitais, novas formas de acesso à internet, a questões da mobilidade e as mudanças de hábitos do internauta com a popularização da banda larga móvel (principalmente 3G e 4G). Também discutiremos as redes de relacionamento, TV Digital, TV móvel, portabilidade numérica, dentre outros temas do cenário atual.

O evento contará com um painel especial para discussões sobre os impactos das novas estratégias de negócios através da Mobilidade Corporativa.

O Evento

PLATINUM


SILVER

Copyright 2013 CORPBUSINESS. All rights reserved.